• Breaking News

    Saiba mais sobre a anoxorexia

    Anorexia

    Anorexia é um distúrbio Alimentar, caracterizado por peso abaixo do normal, receio de ganhar peso, vontade intensa de ser magro e restrições alimentares.


    Estima-se que no Brasil anorexia afetou mais de 150 Mil indivíduos dos quais 90% são do sexo feminino. Dentre as doenças psiquiátricas é considerada a maior causadora de mortes, considerada assim um problema crescente no Brasil e no mundo.


    Muitas das pessoas com Anorexia vêm-se com sobrepeso, mesmo estando muito abaixo do peso ideal, geralmente quando são questionadas, elas negam à existência de qualquer problema.
    Comem pouco, comem apenas determinados tipos de alimentos, pesam-se com muita frequência, algumas chegam a forçar vômitos, ingerir laxantes e Forçam exercícios físicos.

    Pode-se desenvolver Osteoporose, Infertilidade, problemas cardíacos e a maioria das mulheres afetadas pela doença, deixam de ter períodos menstruais.

    A causa dessa doença ainda é desconhecida, mas surge normalmente durante a adolescência quando as cobranças para ter um corpo considerado saudável aumentam, mas normalmente alguns outros fatores também podem contribuir para o aparecimento, como:

    ·       Depressão;
    ·       Ansiedade;
    ·       Pressão da família e amigos para a perda de peso;

    Alguns dos sintomas são:
    ·       Peso corporal em 85% ou menos do nível normal;
    ·       Não comer por medo de engordar;
    ·       Ter pouco ou nenhum apetite;
    ·       Contar as calorias de todos os alimentos antes de ingerir;
    ·       Estar sempre de dieta;
    ·       Descalcificação dos dentes, cárie dentária;
    ·       Tendências suicidas;
    ·       Bulimia;
    ·       Diminuição ou ausência da libido, nos homens pode ocorres disfunção erétil, dificuldade de atingir a masturbação sexual;
    ·       Tomar excessivos medicamentos para emagrecer, diuréticos e laxantes;
    ·       Nas mulheres pode causar disfunções durante o período menstrual;
    ·       Depressão ou Medo;
    ·       Baixa temperatura corporal, desidratação, desmaio, fadiga, tontura, pressão baixa entre outros;

    Os tratamentos dessa doença consistem em:
    ·       Grupos de apoio;
    ·       Psicoterapia;
    ·       Medicamentos como: Antipsicótico e Inibidor seletivo de recaptação de serotonina (ISRS);
    ·       Nutricionistas;
    ·       Psiquiatras;
    ·       Psicólogos Clínicos;
    ·       Clínico Geral;


    Fontes: